Aprendizado · Dificuldades · Felicidade · Meus textos · Momentos · Pensamentos · Pessoal · Reflexão · Rotina · Vida

Um novo (re)começo

volteiiiiiiiiii
Ai que saudadinha que eu tava de escrever, principalmente aqui, no meu cantinho.
O que tem de novo? Eu voltei pro WordPress e vinculei o Espalhar Sorrisos com um antigo blog meu, então tem alguns textinhos antiguinhos aqui!!! E agora eu tenho um canal no youtube, ebaaa. Vem cá ver 🙂

A vida tem me surpreendido de diversas formas e algumas não são só sorrisos, mas a grande questão é essa, né? Altos e baixos significam que ainda estamos vivos, igual aquele aparelho de hospital, se fica reto significa que morreu. (Melhor agradecer pelos altos e baixos). Então, nessa de altos e baixos andei aprendendo muita coisa e sei que tenho muito mais a aprender também.
Vou citar algumas coisas que aprendi e acho válido ressaltar:

  • O futuro a Deus pertence
    (não se desespere e não fique se doendo por coisas que ainda nem aconteceram, o futuro é algo incerto, o presente é que conta, então se preocupe com as coisas que estão acontecendo agora, com aquilo que você pode fazer algo a respeito.)
  •  É normal se sentir sozinho às vezes
    (SIM, é normal, mas não deixe que isso te consuma e se perceber que isso está ficando frequente demais, veja se você que não está impedindo que as pessoas se acheguem a você, pode ser bom ficar um tempinho só, para espairecer, mas isso também dá espaço para alguns sentimentos ruins e perigosos. Se cerque de pessoas de bom humor e bom coração, isso tornará os dias mais leves.)
  • Um abraço nos dias difíceis ajuda muito
    (Muitas vezes nem é necessário que outra pessoa fale um discurso quando você tá mal, porque um abraço diz mais que muitas palavras e conforta a alma).
  • É bom se desligar da internet de vez em quando
    (Muito bom essa tecnologia toda, mas já experimentou largar o celular um pouquinho, aproveitar mais os momentos, a família e seus relacionamentos? Você pode estar perdendo muita coisa por não desgrudar a carinha do celular, experimente algo novo… Pode ser renovador.)
  • Melhor coisa ter um animal de estimação e alegria deles contagia
    (Tem dia que tô tristezinha olho pra Luna correndo e pulando em mim igual doida e isso me enche de alegria, animais estão sempre cheio de amor pra dar e doidinhos pra receber. Se você não tem um animalzinho, corre e adota!!! Vai ver que alegria que é.)
  • Faça coisas diferentes da sua rotina
    (Se você fica a semana inteira, o mês, o ano, fazendo a mesma coisas todos os dias, pode acabar ficando frustrado e entediado. Experimente fazer coisas novas, conhecer lugares novos, comer em um lugar diferente… Não precisa nem gastar muito dinheiro. Talvez perto da sua casa tenha uma sorveteria que você nunca foi ou um ponto turístico na sua cidade que você nunca conheceu… Enfim, se dê uma chance de experiências novas.)

    A vida é um eterno aprendizado. Algumas coisas nos auxiliam nos momentos baixos e nos dão força quando tudo parece dar errado. Espero que os momentos altos compensem os seus dias ruins e que os sorrisos ganhem força quando as lágrimas insistirem em querer aparecer. Que o resto do ano seja doce e que venha com leveza.

    Um beijo grande e até o próximo post!

aprendizado · Egoísmo · Meus textos · Oportunidades · Pensamentos · Vida · Viver

E se fosse a sua última oportunidade?


Há tanto tempo não entro aqui, deu saudade…
Queria compartilhar algumas coisas que aprendi nesse tempinho longe, coisas que para mim são importantíssimas e pode ser que tenha algum valor para você também. Já disse algumas vezes, não sou especialista em nada e nem dona da verdade, tudo que escrevo é o que está no meu coração que insiste em sair e se tornar em algumas palavras embaralhadas vez ou outra.
Conversando com algumas pessoas percebi que cada vez mais as pessoas estão carecendo mais de atenção e de cuidado, cada vez mais se sentem sozinhas e precisando de amparo.
O egoísmo se torna cada vez mais presente, vemos egoísmo naquele colega de trabalho que só pensa no próprio umbigo, na própria folga, na própria promoção… E pra alcançar tudo isso, se for necessário ele derruba quem é que esteja no caminho. Vemos aquele amigo que só se preocupa com os próprios problemas e em como você pode ajudá-lo a resolver, mas que ele nunca se dispõe a te ajudar com os seus e te ouvir de vez em quando, vemos egoísmo nos relacionamentos onde cada parte só está preocupada com o próprio prazer e ditam suas regras que só favorecem a si mesmos. É tanto egoísmo que as pessoas começam a achar que não precisam de ninguém, que elas se bastam, começam a ver as pessoas apenas como objetos que as ajudam à alcançar os próprios objetivos, ou como degraus para chegar ao topo.
É difícil encontrar alguém que se importe em saber como foi seu dia, sua semana, seu mês… É difícil encontrar quem te ajude a caminhar e viver ao seu lado nos bons e maus momentos. É difícil encontrar alguém que te veja de verdade, te escute de verdade e que esteja presente de corpo e alma quando você precisa.
A grande questão é que nós não sabemos até quando as pessoas que amamos vão estar por perto, não sabemos qual vai ser a última ligação, a última mensagem, o último pedido, o último beijo… Vivemos na constante incerteza e pode ser que essa seja a última oportunidade.
E se realmente fosse sua última chance? Você amou intensamente? Você se doou por aquela pessoa que sempre esteve ao seu lado? Você vivenciou momentos que valeram a pena? Você disse o último “eu te amo”?
Eu não quero ser pessimista e nem te colocar para baixo, mas é que a gente nunca sabe se vai ter um minutinho a mais que seja, então aproveita agora, diga tudo que tem pra dizer, abrace quem você tem para abraçar, escute quem você tem que escutar e viva como se fosse sua última oportunidade de fazer isso. Tenho certeza que é muito melhor aproveitar ao lado de pessoas que te fazem bem ao viver olhando para o próprio umbigo interessado apenas no seu próprio crescimento.
Procure crescer com que está perto de você, juntos, porque senão você pode acabar sozinho e sem ter ninguém para contar das suas vitórias.

As Crônicas de Nárnia · Aslam · Lúcia · Meus textos · Quem você é · Ser

Não fuja de quem você é

Uns dias pra trás eu estava assistindo As Crônicas de Nárnia e parei para refletir em uma frase que o Aslam diz para Lúcia, a frase é a seguinte “Você duvida do seu valor, não fuja de quem você é” e foi como se eu tivesse levado um tapa na cara de tanto que essa frase mexeu comigo.

Já falei aqui algumas vezes do quanto acabamos nos cobrando por não sermos o que as pessoas esperam ou por não nos encaixarmos nesse molde da sociedade.
A cobrança pessoal vai se tornando um monstro que nos atormenta e tira nosso sono, fome e sossego.

A questão é que duvidamos dos nossos valores e agimos como se não fôssemos bons o suficiente, o que não é verdade. Todos nós temos nossas particularidades e isso nos faz únicos, não podemos fugir e negar o que somos, somos o que somos por ser quem somos, confuso? Explico melhor…
 
O que faz cada um ser único é que cada um tem um diferencial, seja o modo de falar, andar, de se vestir, etc. Se mudarmos quem somos, então vamos deixar de ser nós mesmos e vamos começar a empurrar um padrão e ficarmos frustrados por não podermos ser tão autênticos e por no limitarmos a prisão de querer satisfazer a vontade do outro e ignorar as nossas próprias vontades.

Não se importe com quem zomba seu cabelo, cor, estatura, peso ou o modo que você se veste. Não se importe com quem crítica a cor dos seus olhos, o seu sorriso e sua forma peculiar de ser.
Acredite no seu potencial, confie no seu valor e principalmente: NÃO FUJA DE QUEM VOCÊ É!

16 anos · 16 coisas · aprendizado · Lista · Meus textos · Pessoal

16 coisas que aprendi com os meus 16

Eu sempre fico muito pensativa e um pouco deprê no meu aniversário e para quem não sabe sexta-feira (19) foi o meu dia, mas sempre tento pensar nas coisas boas que aprendi durante o ano e tirar boas lições de tudo que aconteceu de ruim.

Listei 16 coisas de muitas que aprendi com os meus 16 e vou colocar aqui.

  1. Dias ruins acontecem e é necessário me permitir sentir cada momento e se preciso chorar e ficar quieta na minha.
  2. Tudo passa, inclusive alguns momentos bons. Sempre bom aproveitar as coisas ao máximo!
  3. Pessoas podem me surpreender e mostrar o quão incríveis são, aprendi a observar mais quem está perto de mim e estou com o coração aberto para novas amizades e até mesmo para fortalecer as antigas.
  4. Família é algo inexplicável, que aquece o meu coração em todos os momentos.
  5. Namoro é ótimo, principalmente porque meu namorado é meu melhor amigo. As vezes é bom e necessário discutir sobre coisas que nos incomodam e saber que posso contar sempre com ele é algo que traz paz no meu coração.
  6. Sempre bom terminar de assistir minhas séries preferidas que eu vivia enrolando. Dá uma sensação boa e ruim ao mesmo tempo (boa por finalmente descobrir o final da temporada e ruim porque fico com abstinência de episódios novos).
  7. Aprendi a ser mais segura e amar mais meu corpo. (EXPERIÊNCIA M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A).
  8. Aprendi a me arriscar mais e tomar coragem para tomar atitude com situações que não estavam sendo legais para mim e me senti incrível. (fazer isso sempre)
  9. Não é ruim eu acreditar no lado bom das pessoas, mas preciso aprender a selecionar melhor em quem acreditar.
  10. foco, foco, foco… Preciso de mais foco.
  11. É muito chato cobrança o tempo todo, tanto cobrança pessoal quanto cobrança dos outros.
  12. Não comparar minha vida com a de outra pessoa e ser grata pelo que tenho. (outra experiência m-a-r-a-v-i-l-h-o-s-a)
  13. Aprendi ainda mais a ser sempre sincera.
  14. Abrir o coração e desabafar com alguém é importante, tira um peso das costas e deixa o coração mais leve.
  15. Não ter medo de ser quem eu sou.
  16. Coisas boas se vão, para que melhores possam vir no seu lugar. (Isso vale para muita coisa)
Coisas para sorrir · Diferenças · Meus textos · Pessoal

De ❤

Andei pensando em tantas coisas e cheguei a conclusão que a cada dia mais os dias bons chegam de mansinho e vão tomando conta do meu coração, aquecendo-o de uma forma quase mágica.
Esses dias foram recheados de algumas mudanças, tanto internas quanto externas.
Sai do meu emprego, viajei, conheci pessoas novas, sorri com as que estão do meu lado desde sempre, abracei muito e chorei algumas vezes, passei raiva, transbordei de amor, sorri até a barriga doer, beijei, fotografei, me estressei, zoei, joguei bola.. Enfim, eu aproveitei cada momento e me dei a oportunidade de simplesmente me deixar sentir.
Sentir alegria, sentir tristeza, sentir raiva… A vida é isso, sabe, uma constante mudança.
Tudo que posso dizer é que a cada dia que passa tenho me descoberto mais e isso tem sido uma coisa maravilhosa.
Só sei que o que tem se passado no meu coração é gratidão de sobra. Gratidão por ter pessoas incríveis ao meu lado, gratidão por todos os sorrisos que têm tomado conta dos meus dias, gratidão pelas oportunidades de me tornar uma pessoa melhor sempre, gratidão por fazer minhas escolhas e por finalmente não ter medo de dizer como me sinto… Tô bem feliz, em paz e com o coração cheio, cheio de amor e transbordando alegria.
É como diz aquela música dos Los Hermanos “Sereno é quem tem, a paz de estar em par com Deus.”

E ai, como tem sido os seus dias? Tente enxergá-los com olhos positivos, tente ser a mudança que você tanto procura nas pessoas. Talvez as coisas não estejam tão ruins, você só precisa mudar seu foco e sua perspectiva. 

2015 · 2016 · Coisas boas · Felicitações · Meus textos · Risco · Vida

Um pouco sobre 2015 e um olá para 2016

Quando 2014 estava no fim eu desejei para 2015 mais gratidão. As vezes nos concentramos tanto no que não temos que esquecemos de agradecer por tudo que possuímos e eu decidi que em 2015 eu queria fazer diferente. Não vou ser hipócrita e falar que não reclamei nenhuma vez, eu reclamei e sempre me arrependia depois e pedia perdão a Deus.
O ser humano é um bicho muito ingrato e insatisfeito, vivemos para conquistar bens e agradar nosso ego e esquecemos das coisas que realmente importam e posso dizer que é exatamente por isso que o mundo está do jeito que está, cada dia mais pessoas ficam vazias de sentimentos e mais cheias de si. Me arrisco a dizer que viver está sendo um risco, não lutamos para viver, lutamos para sobreviver.
Sobreviver ao caos, a ingratidão, a ganância e a falta de amor de algumas pessoas.
Triste é saber que todo mundo vê, mas poucos se incomodam com isso.

Hoje em dia quem ama as vezes é taxado de louco ou bobo, vivem gritando por ai que amor não existe, eu digo que existe sim, por mais que esteja um pouco escasso. Prefiro ser louca e viver amando do que sair por ai julgando e brigando, cheia da falta dele.

2015 me surpreendeu de muitas formas e amadureci muito por conta disso. Sei que Deus esteve todos os dias me ajudando e me abraçando nos momentos difíceis. Tive pessoas que foram necessárias em momentos delicados, que sabiam sempre o que falar e me apoiaram em algumas decisões.
Em momentos difíceis é sempre bom ter alguém que podemos contar, alguém que estará lá independente de qualquer circunstância e eu sou grata por ter pessoas maravilhosas ao meu lado.

O que desejo para esse 2016 é mais amor (o mundo precisa tanto disso), para que haja mais leveza e para que as coisas fiquem mais bonitas.
Peço a vocês que amem mais, sorriam uns para outros, espalhem cores, flores e espalhem sorrisos!

Vamos arriscar mais para ser feliz, aproveitar mais as coisas boas e parar de espalhar o mal. Para você que já perdeu a fé, te peço que recomece, acreditar ajuda as coisas a melhorarem.
Eu tenho fé que as coisas vão melhorar, é melhor acreditar e fazer por onde. do que viver reclamando e não fazendo nada para mudar situações ruins, né?!

E para hoje, vou deixar um pedacinho da música Risco da Marcela Taís:

“Coloque um pé e o outro pé
E vai na fé
Olha pra Deus e sorria
Coloca o medo debaixo do braço e siga
Viver é um risco que risca a vida
Que você não arrisca
Minha vó dizia coloca o medo debaixo do braço e siga”

Um feliz 2016 para cada um de vocês que gastam um tempinho para ler os meus escritos e um muito obrigada por cada palavra de ânimo, cada “curtida” e cada comentário.
Espero que esse ano seja um ano leve e cheio de amor e sorrisos, que a maldade do mundo não nos faça perder as esperanças e que principalmente não nos faça desistir.
Que Deus esteja com cada um, abençoando e dando forças para cada dia dessa nova etapa.

Um beijo

Bullying · Diferenças · Meus textos · Pessoal · Seja forte · Sorria

Se você não gosta de mim

Tudo bem, você tem todo o direito de não gostar de alguém, mas esse post de hoje é para te mostrar que o não gostar de alguém não te dá o direito de falar ou fazer algo de ruim com essa pessoa.
Minha oitava série foi um dos meus piores anos de colégio, tinha uma menina que não gostava de mim e por não gostar tentou infernizar meu ano inteirinho, bem, deu certo, ela me xingava e me criticava o tempo todo, inventava coisas com meu nome, jogava minha mochila no lixo e chegou a ameaçar me bater algumas vezes, por culpa disso eu não queria ir mais na aula e quando ia eu ia chorando. É tranquilo falar disso agora, mas sei que para quem passa por isso não é nada fácil.

Hoje eu tenho outra mentalidade e sei lidar com essas coisas de outra forma, então se você está passando por algo parecido, fique tranquilo. Se o seu jeito incomoda alguém e este alguém faz de tudo para te ver mal é porque você têm algo que ele gostaria de ter.
A maioria das pessoas que criticam alguém é porque queriam ser igual e simplesmente não conseguem, outra coisa que incomoda é a felicidade, se você é uma pessoa feliz pode ter certeza que vai ter alguém incomodado com isso: Pelo fato de não conseguirem ver a felicidade de uma maneira tão simples e procurarem nos lugares errados algo que as satisfaça (e muitas vezes encontram esse algo infernizando as vidas alheias).

O não gostar de alguém é direito seu, mas o falar mal deste alguém e tentar incomodar/infernizar a vida deste alguém não é. Quando você faz isso só mostra o quão pequeno é e o quanto é difícil ter alguém como você por perto. Você atraí aquilo que você é e se você é uma pessoa que tem prazer em espalhar coisas ruins, eu lamento, mas a única coisa que você vai atrair são coisas ruins.

Eu pensei por muito tempo que o problema era comigo e eu tinha que mudar meu jeito para que a fulaninha gostasse de mim, a verdade é que o problema nunca foi comigo e que ela que estava errada em agir dessa maneira e aposto que ela sempre encontraria algum defeito e alguma outra forma de poder me deixar para baixo.
Ela podia não gostar de mim, isso não mudava a minha essência. Só me fez crescer e amadurecer mais, só me fez ser mais forte e perceber que o fato de estar incomodando ela é porque eu tinha algo que ela queria ter também, e, quanto à isso, ela não pôde fazer nada. Esse sorriso aqui não se abala fácil e ó: Eu vou espalhar ele por ai.

Se você passa por algo parecido, se tem sido alvo de chacota e se alguém tem te feito mal, tenha a certeza que você é incrível e se seu jeito incomoda é porque você está fazendo algo muito certo, é mais fácil criticar do que fazer por onde, é mais fácil criticar do que batalhar para conseguir ser alguém melhor. Então, sorria e acene!